Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, da Ciência e Tecnologia
Portal do Estado de Sergipe

Diretor-presidente do ITPS viaja ao Piauí para conhecer novo tipo de fiscalização de cronotacógrafos

Solenidade ocorreu no Piauí O diretor-presidente do Instituto Tecnológico e de Pesquisas do Estado de Sergipe (ITPS) – Órgão Delegado do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), Léo Araújo, esteve em Teresina (PI), para obter detalhes do novo tipo de fiscalização de cronotacógrafos, que foi implantado recentemente pelo Instituto de Metrologia do Estado do Piauí (Imepi – PI).

Por meio de um termo de colaboração técnica com a Secretaria Estadual de Transporte (Setrans), o Imepi utiliza as instalações dos postos de fiscalizações da autarquia de trânsito, para checar a situação dos cronotacógrafos dos veículos que passam pelo local. Um fiscal do Imepi fica na sede da Setrans, e por meio das imagens do circuito de câmeras, consegue obter a placa do veículo, e emitir, em caso de irregularidade, o auto de infração. Com esse tipo de ação, o Imepi quer aumentar eficiência das fiscalizações e reduzir os custos com operações desse tipo.

No Piauí, Léo Araújo participou de uma reunião técnica com representantes dos órgãos delegados do Inmetro, da solenidade de assinatura do termo de colaboração entre Imepi e Setrans, e de uma reunião com o governador do Piauí, Wellington Dias. 

O diretor-presidente do ITPS elogiou a iniciativa no Piauí, destacando que a ação é referência para os demais estados. “Essa é uma ação pioneira, que utiliza as imagens das câmeras de trânsito para flagrar os veículos que circulam com cronotacógrafos irregulares. Ao conhecer essa ação e perceber a eficiência desse tipo fiscalização, tive a certeza de que temos todas as chances de viabilizar, em breve, operações semelhantes em Sergipe”, comenta.

Representantes de órgãos delegados foram recebidos pelo governador do Piauí, Wellington Dias Léo Araújo destaca que a parceria entre os órgãos delegados do Inmetro, sobretudo no compartilhamento de experiências exitosas, tem refletido no aprimoramento das fiscalizações, e consequentemente, na proteção do consumidor. “A Rede Brasileira de Metrologia Legal e Qualidade e o Fórum dos Dirigentes dos Órgãos Delegados vivem um momento inovador, marcado pela união e parceria entre todos os órgãos, que frequentemente trocam experiências, e contribuem para a melhoria dos trabalhos uns dos outros. As fiscalizações de tijolos, dos computadores medidores de vazão em plataformas, de cargas secas em estradas, de balanças falsificadas e até mesmo o treinamento anti-fraude em bombas de combustíveis, são alguns dos exemplos de ações de sucesso que foram resultado da parceria entre os órgãos delegados”, detalha.

Por Verlane Estácio

Com informações do Imepi